Campanha pela redução do tráfego aéreo e por uma mobilidade justa e ecológica

ATERRA

Encontro Nacional pela Justiça Climática

Já somos “mainstream“. Os políticos acham que se deve fazer alguma coisa sobre a crise climática, os parlamentos declaram emergência climática. Mas o nosso objectivo não é sermos mainstream. Nós queremos ver acção urgente por uma transição energética que traga justiça climática às nossas sociedades. E isso só vai acontecer com e por causa da nossa mobilização e organização.

A 21-23 de fevereiro, vamos juntar-nos no Colégio Almada Negreiros da Universidade Nova de Lisboa em Campolide, no 5º Encontro Nacional pela Justiça Climática, para partilhar acções, conhecimento e experiências, para construir estratégias, e para conhecer as lutas e as activistas.

Vamos à raíz do problema: vamos focar-nos nas linhas da frente onde a verdadeira destruição climática continua a avançar, apesar das palavras bonitas; e nas lutas que se cruzam com a nossa por terem as mesmas causas socio-económicas no fundo.

Antes da grande onda de mobilizações na primavera, vamos preparar-nos para articular melhor as várias frentes da luta. O ano 2020 tem que ser o ano em que as sociedades mudam de caminho. Nós não temos um plano B sem ser ganhar; porque não temos um planeta B.

Na sexta-feira o encontro abre com uma sessão dedicada ao artivismo. No sábado, às 10h30, a ATERRA propõe a sessão “Menos Avião, Mais Imaginação”.

O novo aeroporto no Montijo foi aprovado. Começaram as obras de expansão da Portela. 2020 podia ser o ano de mais um ecocídio provocado pela ganância e a corrupção do poder político e empresarial. Mas temos outros planos: torná-lo o ano de uma das maiores vitórias populares e ambientais em Portugal. Com os pés na Terra, que passos devemos dar para travar a expansão aeroportuária, virar a maré e construir uma sociedade mais justa, consciente e ecológica?

Haverá ainda sessões sobre gás fóssil, transporte de animais vivos, povos indígenas, indústria agropecuária e alimentar, transição justa e mineração em águas profundas. Consulta o programa aqui, e inscreve-te para o almoço aqui. Evento no facebook aqui.

No domingo, dia 23, organizamos o encontro de trabalho Viajar com os pés na terra, para pensarmos em conjunto uma mobilidade mais justa e ecológica. Informa-te e inscreve-te aqui.  

Encontramos-nos lá!

Leave a Reply

Top